SURURUTALKS


Vendas em alta, estratégia ajustada e um design do negócio adequado para tempos turbulentos.

Vendas em alta, estratégia ajustada e um design do negócio adequado para tempos turbulentos.

Ajuda Empresarial | 16/07/2021

O desafio de todo empresário é obter boas vendas em seus negócios, mas ele pouco sabe que isso depende do design do negócio. O esforço de vendas está sempre associado em trazer novidades para o negócio, estender o uso da marca, entregar novos serviços ou mesmo reduzir custos, do cliente e da própria empresa.

Essas ações estão relacionadas com um bom design de suas ofertas. Seja no design do ponto de vista da forma, da estética, seja como o projeto ou modelo do negócio. Nesse artigo vamos nos ater ao projeto do negócio, ou ao business design. Como o design de seu negócio pode aumentar suas vendas? Ou então, como a falta de um bom design te deixa fora do mercado? São perguntas fundamentais para começar a fazer e pensar em ter sucesso de verdade nas vendas.

O design abre oportunidades valiosas para as empresas. Sua importância é frequentemente subestimada, mas um bom design pode trazer alguns benefícios comerciais significativos. Os estágios de pesquisa e protótipo do processo de design podem gerar novas ideias de produtos ou serviços que permitem a descoberta de necessidades e preferências, por vezes ocultas, de seus clientes.

Pesquisa e protótipo não significam o desenvolvimento de uma tecnologia de última geração, mas a utilização de instrumentos para buscar e coletar informações sobre seu cliente e o comportamento dele na hora da compra, para então, desenhar a jornada, um protótipo, que melhor o convença de comprar seu produto ou serviço. Daí em diante é teste e ajuste.

O design pode ajudá-lo a transformar ideias em produtos ou serviços inovadores e competitivos, adequados a seu mercado. 

Você também pode usar o design para tornar seus processos de negócios mais eficientes e para fortalecer sua abordagem de marketing, reduzindo custos e sendo mais eficaz nas estratégias.

Nesse texto, tento explicar as diferentes maneiras pelas quais o design pode beneficiar seus negócios, desde o desenvolvimento de produtos até a estratégia de negócios. O texto também descreve o que está envolvido no processo de design e como você pode gerenciar o processo de encaixe de seu produto ou serviço ao mercado e medir seu sucesso.

Os benefícios comerciais do design

Vários estudos mostram que o uso de design melhora o desempenho dos negócios (ZOTT; AMIT, 2007; LAUFF; MENOLD; WOOD, 2019; VISWANADHAM, 2018). As empresas que subestimam a importância do design podem estar perdendo oportunidades vitais, particularmente as pequenas empresas nesse momento de retomada pós-pandemia.

O design pode trazer uma série de benefícios comerciais se usado sistematicamente em sua empresa. Esses benefícios incluem:

  • aumento nas vendas de seus produtos ou serviços.
  • melhor posição de mercado em relação aos seus concorrentes.
  • maior lealdade do cliente e menos reclamações de clientes.
  • uma identidade mais forte para o seu negócio.
  • a capacidade de criar novos produtos e serviços e abrir novos mercados.
  • redução do tempo de chegada ao mercado de novos produtos e serviços.
desenho

Projetando para o seu cliente

O uso eficaz do design dá aos clientes um motivo para comprar de você e não de seus concorrentes. É uma fonte valiosa de diferenciação – um produto ou serviço bem projetado se destacará da concorrência.

De verdade, o design também agrega valor aos produtos e serviços. Os clientes muitas vezes estão dispostos a pagar mais por produtos e serviços bem projetados e que podem oferecer benefícios como maior facilidade no uso, o produto ou serviço ser mais barato ou mais bonito.

Mas, além de aprimorar os produtos e serviços que você vende, o design também pode melhorar a maneira como sua empresa opera – a eficiência de seus processos, a relação custo-benefício das matérias-primas que usa, a qualidade de suas embalagens.

Além de aumentar o valor percebido de seus produtos e serviços pelos clientes, o design pode, também, reduzir os custos de produção. Um projeto cuidadoso do processo de fabricação, por exemplo, pode trazer economias substanciais. Também pode tornar os processos e o uso de materiais mais eficientes e ecologicamente corretos, ajudando as empresas a cumprir as normas e legislações de sustentabilidade.

Ou mesmo um estudo mais aprimorado da jornada do cliente até ele realizar a compra em sua empresa, ajuda e muito, você entender o que o cliente efetivamente necessidade em cada etapa de decisão antes de efetivar a compra, assim, você pode ter mais vendas convertidas se melhor entender a jornada de seu cliente e ajudá-lo.

O business design para sua empresa

O design de negócios pode ser empregado para resolver os principais desafios de negócios. Ele faz isso ao permitir que os colaboradores e gestores da empresa sejam capazes de criar novas soluções para problemas dos clientes, conduzindo também ao melhor entendimento de como sua empresa possui um ecossistema que entrega e captura valor, mas que geralmente você não percebe.

Dependendo de suas necessidades, design de negócio pode envolver vários formatos (como um sprint de projeto de negócio ,  acelerador de projeto de negócio , ou  empreendedor-em-residência  programa). A experiência mostra que cada um desses formatos se enquadram para diferentes tipos de problemas e resultados esperados, mas todos podem funcionar bem em empresas tradicionais ou em startups.

O design e a modelagem de negócios são também bem aplicados em soluções de negócio com impactos sociais e ambientais.

Priorizar a responsabilidade social e ambiental é essencial para que qualquer empresa seja verdadeiramente à prova de futuro nos dias de hoje (na verdade, propomos um ponto ideal de inovação redesenhado para incorporar exatamente isso).

Faça do design parte de sua estratégia de negócios

O design merece mais atenção do que freqüentemente recebe de proprietários e gerentes de empresas. Muitas vezes, é visto como um toque final no desenvolvimento de produtos ou serviços – algo a ser usado após a estratégia ser formulada, as principais decisões tomadas e os orçamentos alocados.

Os negócios de sucesso incluem o design como parte de sua estratégia desde o início, pois envolver o design em um estágio inicial pode economizar dinheiro e resultar em uma melhor oferta de valor e ótima experiência para seus clientes.

Você não precisa necessariamente de um designer profissional para usar o design estrategicamente – apenas procurar novas maneiras de atender às necessidades dos seus clientes é um passo importante para aproveitar as vantagens do design. Fazer até mesmo pequenas alterações pode fornecer recompensas consideráveis.

Seus primeiros passos para usar o design de forma mais estratégica devem incluir:

  • identificar onde e como o design está sendo usado na sua empresa.
  • identificar maneiras de melhorar o processo de design – como aumentar o envolvimento da administração ou usar um consultor de design profissional.
  • procurando áreas de seu negócio onde oportunidades de design estão sendo perdidas.
  • certificando-se de que as considerações de design sejam apresentadas em todas as reuniões e documentos de planejamento de negócios.
  • conduzindo pesquisas de mercado para garantir que você sabe o que seus clientes precisam.

Consultores de negócios com conhecimento em design podem fornecer orientação sobre como usar design e trabalhar com designers.

Use o design para conquistar novos clientes e mercados

O design pode ser um meio poderoso de reter clientes e posicionar sua empresa para entrar em novos mercados. Além de alavancar, e muito, suas vendas.

Portanto, empresas responsivas podem usar métodos e técnicas de design – como pesquisa de usuário e prototipagem – para identificar as necessidades do cliente que não estão sendo atendidas e, em seguida, criar ou refinar um produto ou serviço para preencher a lacuna do mercado. Consulte um consultor com habilidades e formação complementar em design para te ajudar a entender as necessidades de seus clientes.

As empresas podem usar o design de várias maneiras para atrair novos clientes e construir novos mercados. Esses incluem:

  • projetar protótipos de produtos ou serviços que podem ser usados ​​para revelar as necessidades e preferências dos clientes, além de gerar novas ideias.
  • criar produtos ou serviços que incorporam os resultados de pesquisas de tendências que antecipam e atendem às necessidades dos clientes.
  • desenvolver a marca da sua empresa por meio de embalagens, gráficos e comunicação com o cliente.
O design também pode ajudá-lo a se expandir para mercados estrangeiros – talvez cumprindo diferentes padrões técnicos ou adaptando um produto ou sua embalagem às preferências de seu mercado-alvo.

Dessa forma, além de conquistar novos negócios, não se esqueça do papel importante que o design pode desempenhar na retenção de seus clientes existentes. Seja no desenvolvimento de novos produtos ou serviços, ou mesmo, a reformulação do site da empresa, um novo design pode manter seus clientes interessados ​​e ajudá-lo a enfrentar a concorrência.

As necessidades de seus clientes podem mudar, portanto, a observação do usuário, a pesquisa de tendências e a prototipagem que fazem parte do processo de design o ajudarão a se manter em contato com o seu mercado.

Caso tenha dúvidas sobre o uso do design para melhorar a performance de sua empresa, ou mesmo você queira desenvolver uma nova ideia de negócio, contacte-nos, podemos conversar a respeito. Temos uma solução chamada Pocket Business Design que pode rapidamente ser executada em sua empresa para a solução de problemas de processos de vendas, atendimento ou produção, entendimento sobre motivos de redução de vendas e planejamento estratégico da empresa.

Referências.

LAUFF, Carlye; MENOLD, Jessica; WOOD, Kristin L. Prototyping canvas: Design tool for planning purposeful prototypes. En Proceedings of the Design Society: International Conference on Engineering Design. Cambridge University Press, 2019. p. 1563-1572.

VISWANADHAM, N. Performance analysis and design of competitive business models. International Journal of Production Research, 2018, vol. 56, no 1-2, p. 983-999.

ZOTT, Christoph; AMIT, Raphael. Business model design and the performance of entrepreneurial firms. Organization science, 2007, vol. 18, no 2, p. 181-199.

Relacionadas